Melhores destinos de 2017 segundo Lonely Planet

A renomada Lonely Planet, a maior e mais famosa editora de guias de viagem do mundo, revela anualmente uma lista com os que são considerados os 10 melhores destinos para viajar. E, é claro, compartilhamos com você essa lista para planejar um 2017 repleto de viagens. <3

A lista, formada com base em vários critérios analisados pelos editores da Lonely Planet, leva em consideração questões econômicas, políticas, históricas, grandes eventos ou mesmo o puro aumento do interesse pelo local em relação a anos anteriores.

Vamos lá viajar por esse ranking?

10 – Etiópia

O único país africano da lista conquistou seu lugar por suas características exóticas, pela rica cultura local, gastronomia diversificada, natureza exuberante e pela crescente facilidade de acesso: mais companhias vão passar a voar para a Etiópia em 2017, fazendo com que chegar ao país seja cada vez mais fácil. Ah, vale lembrar que o café da Etiópia é considerado um dos melhores do mundo! Nhami!

Fortaleza Medieval de Gondar, Etiópia, Patrimônio Mundial da Humanidade pela UNESCO.

Fortaleza Medieval de Gondar, Etiópia, Patrimônio Mundial da Humanidade pela UNESCO.

9 – Mianmar

Ainda conhecida como Birmânica, Mianmar é um país que tem passado por grandes mudanças nos últimos anos. Ainda com muitos problemas políticos, já que permanece sob o comando de um ditador, Mianmar compensa qualquer instabilidade por ser um destino do sudeste asiático que se mantém intocado pelas culturas dos países à sua volta e pela modernização que, de certa forma, uniformiza culturalmente os países da região.

Os templos de bagan ao nascer do sol, Mandalay, Mianmar

Os templos de bagan ao nascer do sol, Mandalay, Mianmar

8 – Omã

País árabe na costa sudeste da Península Arábica, Omã ganhou o oitavo lugar da lista porque é impossível ignorar as novidades que tomam conta de suas grandes cidades: novos e luxuosos hotéis e shoppings fazem com que o país se torne um destino glamoroso na região. Além disso, há cada vez mais voos conectando o país com o resto do mundo e com todo o Oriente Médio, o que facilita o turismo.

7 – Mongólia

O crescimento econômico do país e a inauguração de um novo e moderno aeroporto na sua capital são dois dos motivos que fazem com que a Mongólia ganhe destaque como destino turístico em 2017. As paisagens estonteantes do interior são o que mais atraem seus visitantes, além da cultura e culinária típicas do local.

Amanhecer em Ger. Mongólia.

Amanhecer em Ger. Mongólia.

6 – Bermudas

As ilhas Bermudas são um território pertencente à Inglaterra, mas localizadas muito próximas à costa dos EUA. O clima temperado, as belas praias que se assemelham às do Caribe, uma boa infraestrutura para atender os viajantes e um terreno ideal para praticar diversos esportes radicais são seus grandes atrativos.

lime stone rock formations

lime stone rock formations

5 – Nepal

Um terremoto arrasou boa parte do país em 2015, mas nem isso foi capaz de acabar com a força da cultura e do povo local. Muitos prédios e templos históricos foram destruídos, mas outros tantos permaneceram intactos. O Nepal tem toda condição de reparar os danos causados pelo terremoto, mas, para isso, precisa de verba disponível e o turismo é uma forma de estimular sua reconstrução, fato que foi determinante para que chegasse à quinta posição da lista.

Caravan of yaks in Saldang village, Nepal. Saldang lies in Nankhang Valley, the most populous of the sparsely populated valleys making up the culturally Tibetan region of Dolpo.

Caravana de Yaks em Dolpo, Nepal.

4 – Dominica

Essa pequena ilha caribenha figura no quarto lugar da lista por um motivo bem simples: é uma das poucas que se mantém praticamente intacta, pouquíssimo modificada pelo “desenvolvimento” do turismo e pela formação de cidades. Palmeiras, praias desertas e uma atmosfera rústica e simples que permitem (e até nos forçam) desligar do mundo e entrar em contato com a natureza são o que a ilha oferece de melhor.

Uma praia deslumbrante em Dominica

Uma praia deslumbrante em Dominica

3 – Finlândia

Outro país que comemora um aniversário importante em 2017 é a Finlândia: 100 anos de independência, duramente conquistada depois de mais de oito séculos de guerras entre russos e suecos. Os finlandeses desfrutam hoje de um país cheio de riquezas naturais e culturais, além de um dos IDHs mais altos do mundo e uma altíssima qualidade de vida, com destaques para educação e saúde pública referências mundiais.

Catedral Uspenski em um dos pontos mais altos da cidade de Helsinki na Finlândia

Catedral Uspenski em um dos pontos mais altos da cidade de Helsinki na Finlândia

2 – Colômbia

A mistura da vibrante cultura colombiana, a hospitalidade do seu povo, os ritmos e sons latinos e as belas paisagens naturais do país não passaram despercebidos aos olhos dos editores da Lonely Planet, que deram aos nossos vizinhos sul-americanos o segundo lugar na lista de países para conhecer em 2017.

Pôr do sol em Cartagena

Pôr do sol em Cartagena.

1 – Canadá

O dólar um pouco mais baixo e a excelente infraestrutura para o turismo foram determinantes para que o Canadá conquistasse o primeiro lugar na lista. Além disso, o aniversário de 150 anos do país também pesou na decisão, já que os canadenses não vão economizar nas comemorações e prometem grandes festas para o ano todo. As cidades mais visitadas são Vancouver e Toronto, mas em qualquer lugar é possível encontrar paisagens montanhosas incríveis e um povo acolhedor, gentil e muito educado, que faz com que a viagem seja uma experiência inesquecível.

Toronto's skyline from Cherry Street, Toronto, Ontario, Canada.

Uma noite de inverno em Toronto, Canada.

Quais destinos estão na sua lista de viagens para 2017? Compartilhe com a gente e acompanhe mais dicas como essa no nosso Facebook.  🙂 

Deixe seu comentário!