Como sobreviver a uma conexão longa

São horas e mais horas dentro de um – ou mais – aeroporto. O sentimento é de que o tempo não passa, não é fácil dormir e quando você lembra que ainda faltam 3 horas para o próximo embarque, parece que tudo fica mais difícil ainda.

Bom, deixar de viajar por conta disso, definitivamente está fora de cogitação, certo? Uma alternativa para se livrar desse problema é tentar agendar voos com conexões mais curtas. Se não for possível, fique tranquilo! No post de hoje temos dicas incríveis para você que vai ter de enfrentar uma longa viagem em breve. Confira!

1- Movimente-se

Ficar muito tempo dentro dos aviões pode causar cãibras e retenção de líquidos nas pernas – principalmente em classes com poltronas mais apertadas. Por isso, aproveite o tempo de sua conexão para caminhar bastante pelo aeroporto e fazer o sangue circular.

2- Conheça os arredores

Dependendo de quão longa for sua conexão, aproveite o momento para conhecer os arredores do aeroporto e – se o tempo permitir – até mesmo alguns pontos turísticos da cidade. Mas antes de sair, tenha certeza absoluta de quanto tempo tem disponível para não correr o risco de perder o voo.

3- Esteja preparado

Se você já sabe que terá que esperar por um longo tempo, por que não se preparar para isso? Então, faça ótimas playlists, quem sabe um filme no smarthphone ou notebook e aquele livro que há muito tempo está esperando para ser lido (pode ser uma ótima oportunidade).

4- Adquira um ambiente privado

Hoje em dia, diversos aeroportos espalhados pelo mundo possuem mini suítes ou ainda opções de cabine, para que pessoas que aguardam longas conexões possam dormir, tomar um banho e passar um tempo sozinhas, sem o vai e vem tradicional dos aeroportos.

Além dos quartos, há ainda a opção das cápsulas. São camas em cápsulas mesmo, com o único objetivo de proporcionar um sono tranquilo aos viajantes. A vantagem é que o preço é bem mais em conta que as opções de suítes.

5- Passeie bastante

Hoje em dia, os aeroportos se parecem cada vez mais com shopping centers. Há de tudo por lá. Grandes lojas, opções para diversão, restaurantes para todos os gostos, barzinhos para dar uma descontraída e tomar um drink diferente e muito mais. Ah, e não podemos nos esquecer, é claro, do Duty Free, lojas que vendem produtos sem imposto, ou seja, ótima oportunidade para comprar aquele perfume importado, maquiagens, chocolates e várias lembrancinhas.

Sobreviver a uma longa conexão não é algo impossível, pode ter certeza. Se você estiver preparado, com alguns planos em mente tudo fica mais fácil. Caso seja pego de surpresa com um voo muito atrasado, essas dicas também podem lhe ajudar, por isso, grave-as bem na memória.

E você? O que costuma fazer para passar o tempo durante uma longa conexão? Conte para gente através dos comentários!

Comentários

Deixe um Comentário