Veja como aproveitar a Black Friday e economizar muito na sua próxima viagem

A Black Friday é uma época muito esperada por lojistas e comerciantes. Desde que essa ideia desembarcou no Brasil, tem feito um sucesso estrondoso, a ponto de gerar milhões em compras e descontos.

Como essa data começou no varejo, ainda é comum a ideia de que ela serve apenas para bens materiais, como eletrodomésticos, eletrônicos e acessórios. A verdade, entretanto, é que ela se expandiu e, hoje, abrange uma grande gama de setores e serviços.

A área de turismo também é positivamente impactada pelos descontos desse evento e, com isso, é possível economizar muito na sua próxima viagem. No entanto, isso só será viável se souber como gastar menos.

Quer saber como economizar? Então, continue lendo e descubra dicas infalíveis!

Black Friday para viagens?

Quando a intenção é viajar, especialmente ao fazer as compras e reservas perto do final do ano, o preço pode pesar o bolso. Isso faz com que o passeio não seja tão atraente e, em alguns casos, até fique inviável.

Contudo, novembro traz a Black Friday e essa é uma excelente oportunidade para conseguir ótimas ofertas para viajar. Aproveitar essa data para preparar a sua viagem é vantajoso por causa dos seguintes fatores:

A economia é garantida

Em sites realmente confiáveis, a Black Friday é seguida à risca e os preços são, de fato, atraentes. Os descontos surgem de maneira real e permitem pagar menos para tirar alguns dias de descanso ou até para viajar por necessidade.

O ponto positivo é que a economia acontece em todos os aspectos de uma viagem. Com uma boa pesquisa, você conseguirá pagar menos na passagem, na hospedagem e até na hora de fazer passeios.

Tudo isso faz com que, ao final, o valor total por esses dias seja bem menor, ajudando o seu orçamento.

O passeio pode ficar mais longo

Imagine que a sua ideia é viajar por 5 dias, com um determinado orçamento. Com a economia da Black Friday, o valor disponível pode ser suficiente para uma viagem de 5 ou até de 10 dias.

Ou seja, aproveitar uma das datas em conta do ano ajuda o seu passeio a ficar mais longo, se puder ou desejar ficar uns dias extras.

O resultado é que você vai curtir ao máximo a viagem, explorando um número maior de locais e de novidades, ou resolvendo outras pendências. Assim, o custo-benefício do deslocamento aumenta, diminuindo os custos.

As compras ficam ainda mais baratas

Dependendo do destino da sua viagem, a Black Friday pode ser uma das datas mais importantes para o local. Quem viaja para os Estados Unidos, por exemplo, se depara com lojas abarrotadas de ofertas e com condições melhores.

Tudo isso permite um ótimo aproveitamento de ofertas e compras em conta. Mesmo havendo limites no valor que pode ser trazido do exterior sem imposto, muitas vezes vale a pena adquirir com grandes descontos e pagar os impostos referentes. Ainda assim, é possível conseguir preços menores do que no mercado nacional.

Para quem viaja com a intenção principal de comprar, a economia é dupla: tanto na hora de ir quanto na hora de adquirir e voltar.

As datas podem ser flexíveis

Diferentemente do que talvez pareça, não é porque você vai comprar passagens aéreas com desconto nessa data que elas precisam ser utilizadas imediatamente. Na verdade, é muito comum que haja um período para a utilização dos bilhetes aéreos, bem como da hospedagem e dos ingressos.

Com isso, você pode aproveitar os descontos que surgem entre as promoções relâmpago e só utilizar tudo quando for conveniente, dentro das condições específicas.

Essa flexibilidade garante que os descontos sejam ainda mais vantajosos e atrativos, trazendo ótimos efeitos para o seu bolso!

As formas de pagamento são variadas

Para melhorar, as ofertas da Black Friday, normalmente, podem ser pagas com uma grande variedade de opções. Se tiver o dinheiro à vista, a aquisição pode ser feita de uma só vez. Caso prefira, também será possível parcelar em algumas vezes no cartão.

Isso amortiza o valor a ser pago, ajuda a diluir os custos e permite que tudo caiba no seu bolso com mais facilidade. Além de tudo, trata-se de uma forma conveniente de aproveitar as promoções, sem que as suas finanças sejam comprometidas ou que você tenha que fazer malabarismos.

Dependendo do caso, é possível ter toda a viagem quitada antes mesmo de ir, o que contribui para ter maior tranquilidade no passeio.

Garantindo a hospedagem com a Black Friday

Para começar a pensar na economia da viagem, nada melhor do que ter um bom lugar para ficar. Por isso, é importante garantir, desde já, o local em que você vai se hospedar. Dependendo das condições, é possível ficar em um ótimo lugar por um preço que não é encontrado no restante do ano.

A seguir, veja algumas dicas para economizar na hospedagem durante essa data de promoções e descontos:

Verifique a disponibilidade de datas

Em primeiro lugar, a hospedagem desejada precisa ter quartos disponíveis para a data da sua viagem. Se ainda não tiver marcado o dia, então é preciso definir essa questão antes de fazer a sua reserva.

Inclusive, é necessário se preparar para aproveitar os descontos quanto antes. Em hospedagens muito famosas, pode acontecer de os preços mais em conta atraírem uma grande quantidade de pessoas e você perder a oportunidade.

Antes de decidir, verifique as principais opções disponíveis nas datas desejadas e faça um comparativo dos preços e das vantagens.

Conheça os benefícios de cada hospedagem

Por falar nisso, é importante pensar em quais são as vantagens oferecidas por cada opção antes de escolher hotel. A intenção é que suas necessidades sejam atendidas e, principalmente, que a experiência seja confortável e agradável.

Portanto, antes de sair escolhendo a primeira oportunidade imperdível da Black Friday, faça uma análise criteriosa. Veja como é a estrutura do hotel, como é a área de lazer e se há refeições gratuitas, por exemplo.

Muitas vezes, vale a pena escolher um all inclusive por um preço um pouco maior do que um muito simples e que gerará outros custos.

Analise as condições de outras promoções

Para estimular a fidelidade, muitas escolhas de hospedagem oferecem noites gratuitas de acordo com o número de dias escolhidos para se hospedar.

Contudo, nem sempre as promoções são cumulativas. Há estabelecimentos que dispõem que a Black Friday não dá direito a outras ofertas e, por outro lado, há hotéis e pousadas que trazem cada vez mais vantagens, permitindo uma economia crescente.

Assim, fique de olho nessa questão. Conheça as condições e, se quiser economizar, prefira os com melhor acúmulo de descontos.

Considere os arredores do seu destino

Pode acontecer de os hotéis do seu destino não terem ofertas tão interessantes na Black Friday. Isso ocorre, principalmente, em épocas de alta temporada, em hotéis concorridos e em locais em que há poucas opções de hospedagem.

Nada disso precisa ser um obstáculo para aproveitar ótimas condições e preços diferenciados. Para conseguir bons descontos, vale a pena considerar os locais próximos ao seu destino.

Uma cidade próxima, por exemplo, pode trazer oportunidades vantajosas, sem que você tenha que se afastar demais de onde deseja visitar.

Escolha sites confiáveis

Independentemente de qual seja a sua escolha de hotel, é fundamental fazer a compra em sites confiáveis. Nesse caso, é melhor dar preferência para os endereços dos próprios hotéis ou para sites conhecidos por oferecerem pacotes de hospedagem.

Isso evita pagar e, ao chegar ao local, não ter a sua reserva confirmada por ter caído em um golpe. Além de tudo, é uma forma de proteger as suas informações pessoais, evitando roubos e fraudes que decorrem de sites que captam seus dados.

Pagando pouco em ingressos, eventos e passeios com a Black Friday

Quando viajamos a lazer — ou até quando é a trabalho e sobra algum tempo —, é sempre interessante explorar o que cada destino tem a oferecer. Cidades altamente turísticas contam com alguns dos pontos mais famosos do mundo, mas mesmo as menores oferecem ótimas escolhas culturais, de entretenimento e história.

Para visitar os museus, parques e atrações em geral, muitas vezes é preciso adquirir ingressos. A boa notícia é que, na maioria das vezes, a Black Friday ajuda a derrubar o preço dessas opções, o que contribui para um passeio completo e repleto de ótimas lembranças.

Quer saber como economizar nesse sentido? Então, continue lendo e saiba tudo!

Cadastre em sites oficiais

Antes mesmo da Black Friday, vale a pena se cadastrar nos sites oficiais das atrações, como os parques de diversões e os museus. Ao longo das semanas, é comum que as atrações enviem ofertas e descontos especiais para quem viaja e pretende conhecer o local.

Esse também é um ótimo meio para ficar sabendo sobre dias de gratuidade, eventos de preços reduzidos e assim por diante.

Além de tudo, você pode receber ofertas de Black Friday — e com exclusividade em relação aos demais turistas. Com isso, o cadastro garante um bom aproveitamento dos descontos.

Considere comprar pacotes com diversas atrações

Para estimular o turismo em várias áreas, bem como para gerar economia para os visitantes, muitas cidades oferecem pacotes de atrações turísticas. Isso é bastante comum nos destinos europeus, especialmente em relação aos museus.

Os chamados passes ou passaportes permitem visitar mais de uma atração dentro de um determinado período. Com isso, o valor sai muito mais barato do que ao comprar os ingressos individualmente.

Na Black Friday, alguns desses pacotes custam ainda menos. Por isso, avalie a possibilidade de adquirir um pacote maior se as atrações forem do seu interesse.

Compre tickets de período estendido

Especialmente em parques temáticos, como a Disney, a cobrança é feita por dia de visita e/ou por parque.

Há opções que permitem uma visita a um parque, enquanto outros apenas um dia, mas em várias atrações. Para quem pretende aproveitar mais, há opções que oferecem até 14 dias de visitas em todos os parques.

A questão é que, na maioria das vezes, os ingressos de visita única são bem salgados, ainda mais em comparação com os outros. Portanto, o melhor é adquirir aqueles com um período maior.

Em geral, são essas opções que entram em promoção no Black Friday — destacadamente, os de parques e atrações menos famosas —, então esse é outro motivo para considerar.

Monte um itinerário adequado

Outra maneira de usar a Black Friday para economizar na compra de ingressos e passeios é criando um roteiro completo para explorar o destino com bastante antecedência.

A ideia é bem simples: você deve definir o que deseja ver em cada dia da viagem e qual é a ordem de visita. As atrações próximas devem ser agrupadas no mesmo dia, facilitando o deslocamento.

A grande vantagem é que você pode aproveitar, por exemplo, as promoções de Black Friday para os passes de diversas atrações. Assim, conseguirá ver mais coisas em menos tempo, evitando grandes deslocamentos e aproveitando o investimento.

Compra de passagens na Black Friday

Para fazer os passeios e descansar no hotel reservado, é preciso garantir que o transporte até o local de interesse ocorra do jeito certo. A boa notícia é que comprar passagens aéreas pela internet também pode ficar mais barato durante a Black Friday.

Ao mesmo tempo, é preciso ter uma boa estratégia se o objetivo é conseguir voar por um preço menor. Assim, a compra de passagens exige alguns cuidados e entre os principais estão:

Faça as pesquisas no lugar certo

Toda navegação na internet deixa rastros e muitas empresas, inclusive companhias aéreas, usam isso para melhorar a precificação de seus produtos. Ou seja, quando você é visto pesquisando o preço de um determinado item, é comum que o valor dele esteja diferente na hora em que vai comprar.

Com as passagens aéreas, é usual que elas fiquem mais caras, então é preciso ter uma boa estratégia na hora de pesquisar.

Pelo sim ou pelo não, prefira fazer a busca em abas anônimas do navegador ou, de preferência, fora da sua rede. É o caso de pesquisar no computador do trabalho durante o almoço e comprar em casa — ou vice-versa.

O mesmo vale para adquirir bilhetes de volta, que também podem encarecer se você retirar apenas o de ida. Assim, é possível aproveitar a sexta-feira mais econômica do ano sem dificuldades!

Fuja de pacotes completos

Comprar um pacote que inclui passagem aérea, hospedagem e até os passeios é muito atrativo por ser prático e bastante conveniente. Porém, essa não é a melhor escolha quando a ideia é economizar, especialmente na Black Friday.

Ao adquirir separadamente, basta garimpar para encontrar ótimas opções e que, muitas vezes, são mais vantajosas do que o pacote fechado.

Por isso, se quiser realmente gastar menos e atender a todas as suas necessidades, o ideal é adquirir as passagens longe de um pacote.

Use as milhas a seu favor

Fazer a compra dos bilhetes diretamente nas companhias aéreas não é a única possibilidade para economizar. Na verdade, é bastante vantajoso você considerar utilizar as milhas a seu favor.

Em primeiro lugar, elas fazem com que a passagem saia mais barata, em quase qualquer condição. Com a Black Friday, a vantagem fica maior.

Nesse sentido, a melhor maneira de agir é adquirir as passagens por meio de milhas de terceiros — caso você não tenha os pontos suficientes. Ao escolher um bom site para a compra dessa forma, você pode pagar menos do que nas empresas de transporte.

Com o desconto da melhor sexta-feira do ano, você poderá viajar por um valor menor ainda, curtindo todo o passeio.

Fique de olho nas datas

Como a Black Friday é uma data especial, os descontos são incríveis, mas também há condições específicas.

É bastante comum que as passagens não possam ser usadas entre o Natal e o Carnaval, de modo a impedir que a alta temporada saia por um preço extremamente abaixo da média.

Esse não será um problema se a sua viagem estiver marcada para um período fora das datas “proibidas”. Para não terminar comprando uma passagem que não poderá ser usada conforme a sua necessidade, o melhor é verificar, antecipadamente, todas essas questões.

Assim, você não correrá o risco de encarar uma surpresa desagradável e aproveitará os descontos com tranquilidade.

Lembre-se das taxas

A passagem aérea é o elemento mais importante, mas ela não é o único ponto que afeta o preço de transporte. Há várias outras questões, como taxas de embarque e outros valores adicionais.

Antes de decidir por uma opção ou por outra, portanto, coloque tudo isso na ponta do lápis. Considere o valor das malas, os custos de embarque em cada companhia e faça uma análise completa.

Isso evitará surpresas e decepções na hora de pagar e permitirá a escolha da opção que é, de fato, mais em conta.

Black Friday e uma viagem inesquecível

Viagem econômica e que ajuda o seu orçamento não tem que ser sinônimo de baixa qualidade ou imprevistos pelo caminho. Muito pelo contrário: com boas escolhas em todas as etapas, a viagem será inesquecível pelos motivos certos.

Ao seguir todos os passos anteriores, você saberá como economizar e garantir as melhores possibilidades. Agora, é hora de descobrir quais são os cuidados finais para ter o melhor desempenho. Acompanhe:

Comece a planejar desde já

Ainda que a Black Friday esteja distante quando começou a pensar na viagem, o ideal é planejar quanto antes.

Antecipar-se às compras permite descobrir, por exemplo, quais são as melhores possibilidades na data de descontos ou onde concentrar seus esforços.

Essa antecipação também é necessária para definir o destino e a data da viagem, assim como os interesses e necessidades. Dessa forma, é mais difícil evitar compras por impulso ou que não são adequadas às suas expectativas.

Analise a temporada

Outra questão para considerar é a temporada. O final do ano é alta temporada para, praticamente, qualquer parte do mundo.

Já o período do Carnaval pode ser muito interessante para destinos internacionais, enquanto o meio do ano é uma ótima escolha para certos locais no Brasil.

Para conseguir viajar de um jeito barato, mas com qualidade, vale a pena considerar conhecer alguns dos locais na média ou baixa temporada, evitando os preços salgados das épocas concorridas.

Faça uma boa pesquisa

Mesmo que a Black Friday traga ótimas opções de ofertas, não são todos os locais que oferecem reduções reais no preço. Além disso, talvez uma opção com 80% mais barata ainda seja mais cara do que uma que sofreu um desconto de 30%, por exemplo.

Por isso, antes de se deixar seduzir por números e valores de economia, faça uma boa pesquisa. Considere vários hotéis, companhias aéreas, empresas de turismo e assim por diante.

Dessa forma, você poderá encontrar quais são as opções realmente econômicas e que têm a ver com os seus interesses.

Desconfie de preços muito pequenos

Essa sexta-feira de descontos é interessante tanto para quem vende quanto para quem compra. Contudo, também há o cenário perfeito para que golpes sejam aplicados.

Em geral, eles surgem na forma de descontos que parecem bons demais para ser verdade. Na maior parte das vezes, entretanto, é exatamente isso que acontece.

Caso encontre uma promoção que inclua passagem, hotel e passeios por um preço que nem sequer cobre as passagens, por exemplo, é melhor desconfiar. A menos que o local de venda seja totalmente oficial, as probabilidades de ser um golpe são grandes.

Confira várias vezes a idoneidade da oferta e desconfie de preços excessivamente baratos, porque há chances de você se arrepender.

Com a Black Friday, a sua próxima viagem pode ser muito econômica. Aproveite as dicas para comprar passagens, reservar hotéis e planejar passeios de forma mais barata e crie momentos inesquecíveis!

Quer receber mais dicas para realizar viagens incríveis? Então, faça seu cadastro no site e não perca nenhuma novidade!

Comentários

Deixe um Comentário