Viagem de avião na gravidez: tudo o que você precisa saber

Sim, é possível ter fazer uma viagem de avião na gravidez com toda a tranquilidade! Veja algumas dicas aqui na MaxMilhas.

Viagens de avião tendem a ser um pouco desconfortáveis, não é mesmo? Porém, a situação tende a ser ainda mais incômoda quando o passageiro em questão é uma mulher grávida!

Pensando nas futuras mamães, reunimos algumas dicas para deixar a viagem de avião na gravidez mais confortável e sugerimos destinos perfeitos para essa fase especial. Confira agora mesmo:

Como fazer uma viagem de avião na gravidez

Procure viajar no segundo trimestre

De acordo com o American Congress of Obstetricians and Gynecologists, o segundo semestre da gestação (que vai da 14ª até a 26ª semana) é o mais aconselhável para uma mulher que pretende viajar.

Nesse período, os enjoos ficam para trás e os riscos de aborto espontâneo diminuem. A barriga também não está tão grande a ponto de incomodar e o cansaço pode ser administrado com um bom roteiro de viagem.

Informe-se sobre as políticas da companhia aérea

Cada companhia aérea tem regras próprias sobre o transporte de gestantes. Portanto, informe-se a respeito desse assunto no site da empresa para não ter surpresas desagradáveis no momento do embarque.

A maioria não faz grandes restrições até a 27ª semana de gravidez, pelo menos. Depois disso, elas podem exigir a assinatura de um termo de responsabilidade, a apresentação de um atestado médico ou a presença do próprio profissional.

Priorize o conforto

Como grávidas têm mais problemas de circulação, é preciso tomar alguns cuidados: procure um assento espaçoso, aprenda técnicas de alongamento, vista roupas confortáveis, invista em meias de compressão e procure caminhar.

Beba bastante água para se manter hidratada e minimizar o incômodo proporcionado pelo ar seco do avião. Também é interessante evitar bebidas que tenham ação diurética e alimentos que estimulem a formação de gases.

Destinos perfeitos para gestantes

Cidades pequenas

O ritmo tranquilo de uma cidade do interior é perfeito para mulheres grávidas, já que aquela tentação de fazer vários programas em um dia só para cumprir o roteiro básico do destino diminui.

Aproveite essa oportunidade para dormir um pouco mais, experimentar comidinhas caseiras, contemplar belezas naturais, conhecer a história da região em questão e, é claro, curtir momentos de qualidade com o seu amor!

Sugestões: Urubici (SC), Monte Verde (MG) e Colônia do Sacramento (Uruguai).

Lugares amenos

Normalmente, as grávidas passam mais calor que as outras pessoas e os destinos quentes costumam formar grandes aglomerações. Por isso, é melhor evita-los nesse momento tão delicado!

Nossa dica é escolher destinos com temperaturas mais amenas para que a experiência seja mais confortável para a gestante. Na medida do possível, também vale evitar os picos de frio desses lugares.

Sugestões: Gramado (RS), Campos do Jordão (SP) e Buenos Aires (Argentina).

Resorts

Grávidas precisam ter uma boa estrutura à disposição para garantir seu conforto. Nesse sentido, provavelmente não há destino melhor para elas que um bom resort all inclusive!

Aproveite esse momento tão especial para curtir aquelas mordomias que são meio incomuns na rotina: relaxar em um ambiente agradável, comer à vontade, pegar um pouco de sol, observar a paisagem e fazer tratamentos estéticos.

Sugestões: Porto Seguro (BA), Foz do Iguaçu (PR) e Cancún (México).

Gostou das nossas dicas para encarar uma viagem de avião na gravidez? Acesse a MaxMilhas e viaje agora mesmo! 

Deixe seu comentário!