Onde ficar em Florianópolis?

Florianópolis tem belezas naturais incríveis e mobilidade urbana reduzida. Então, onde ficar durante uma viagem à Ilha da Magia? Descubra!

Com suas belezas naturais, seus atrativos históricos e sua gastronomia de primeira, Florianópolis é um destino a ser visitado em qualquer época do ano: verão, Carnaval, Páscoa

No entanto, a mobilidade urbana da capital catarinense é deficiente e tende a piorar quando ela está cheia de turistas. Por isso, escolher onde ficar é uma decisão importante no planejamento da sua viagem.

O ideal é se hospedar na região da cidade que você pretende explorar melhor. Para ajudar você nessa missão, listamos os melhores bairros para ficar em Florianópolis.

Acompanhe o nosso post e descubra onde ficar!

Afinal, onde ficar em Florianópolis?

Campeche

Campeche é considerado um dos bairros mais importantes do Sul da Ilha. Hospedar-se por lá é ter acesso fácil à Ilha do Campeche, às praias da região, ao Ribeirão da Ilha, à Lagoa do Peri e ao Centro.

É a alternativa perfeita para aqueles que gostam de ter contato com a natureza e praticar esportes de aventura. Inclusive, algumas das praias do Sul da Ilha só podem ser acessadas via trilhas!

No entanto, o bairro do Campeche oferece comércios e serviços que deixam essa experiência muito mais confortável. É uma boa pedida para quem pretende viajar com um grupo de amigos.

Canasvieiras

Por sua vez, Canasvieiras é tido como o bairro mais importante do Norte da Ilha. Quem se hospeda por lá pode ir facilmente para Ingleses, Jurerê Internacional e Santo Antônio de Lisboa, por exemplo.

As águas calmas de boa parte das praias que ficam nesse quadrante da ilha fazem dele uma das melhores alternativas para quem planeja visitar Florianópolis com crianças e idosos.

Por ser um bairro afastado do Centro, Canasvieiras conta com uma infraestrutura completa de comércio, lazer e serviços. Inclusive, uma das atividades favoritas dos visitantes é explorar os estabelecimentos do centrinho à noite.

Centro

Em Florianópolis, todos os caminhos acabam levando o viajante ao Centro. Portanto, essa pode ser uma alternativa de hospedagem válida para quem pretende explorar todas as regiões da cidade com a ajuda do transporte público.

O Centro Histórico concentra alguns pontos turísticos para quem deseja conhecer a história da cidade, como a Catedral Metropolitana, o Palácio Cruz e Sousa e o Mercado Público – um programa excelente para dias chuvosos, aliás.

No entanto, essa região tende a ficar deserta à noite e nos finais de semana. Então, onde ficar? Na Avenida Beira-Mar Norte, perto do Beiramar Shopping e da Rua Bocaiúva, que é um ponto mais animado.

 

Lagoa da Conceição

Talvez, a Lagoa da Conceição seja o melhor lugar para se hospedar na cidade! Quem escolhe ficar nesse bairro no Leste da Ilha não precisa ir para o Norte ou para o Sul para ter uma experiência incrível.

A Lagoa da Conceição oferece duas grandes vantagens: facilitar o acesso às praias das redondezas e contar com um centrinho recheado de restaurantes, bares e baladas. Por lá, o clima é sempre animado!

O resultado é que esse é o point preferido dos backpackers que visitam a cidade. Se resolver se hospedar por lá, você conhecerá muitos grupos de amigos, casais jovens e viajantes solo.

Trindade

Apesar de pequena, Florianópolis abriga duas instituições públicas de ensino superior: a Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e a Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc).

Para aqueles que participarão de eventos acadêmicos em uma delas, os melhores bairros para se hospedar são Trindade, Córrego Grande, Carvoeira, Pantanal, Santa Mônica e Itacorubi.

No entanto, o bairro da Trindade se destaca por oferecer acesso à principal entrada da UFSC, concentrar estabelecimentos úteis na Rua Lauro Linhares e ter vida noturna agitada.

Você já tem uma ideia de onde ficar quando viajar para Florianópolis? Então que tal acessar o site da MaxMilhas agora mesmo e começar a monitorar as passagens para essa cidade incrível?

Comentários

Deixe um Comentário