Dicas de Viagem pelo Leste Europeu

Não tá a fim de viajar pra onde todo mundo vai? Quer fazer uma trip diferente, conhecer culturas completamente novas, paisagens e sabores nunca antes imaginados? Então se liga nessas dicas de viagem pelo Leste Europeu e comece agora a buscar suas passagens em promoção na MaxMilhas, porque essa aventura vai ser pra lá de especial.

Dicas de viagem pelo Leste Europeu, montando seu roteiro

Lápis e caneta na mão, bora começar as dicas de viagem pelo Leste Europeu falando de roteiros. Lugares fantásticos é o que não falta: os 3 países bálticos (Estônia, Letônia e Lituana), Finlândia, Rússia, Sérvia,  Ucrânia, Bulgária, Hungria, Albânia, Macedônia, Romênia, Polônia, República Tcheca e por aí vai.

De trem

A malha ferroviária do Leste Europeu não é muito boa, mas é uma boa opção para quem tem tempo e quer relaxar. Isso porque uma viagem entre Budapeste e Belgrado, por exemplo, que levaria 5 horas de carro pode sair por quase o dobro de trem. Mas você sempre pode fazer seu roteiro de acordo com o itinerário dos trens e suas conexões.

De carro

De carro não rola muito bem, por vários motivos: pelo alto índice de furto de veículos na república Tcheca, por exemplo, taxas de devolução absurdas e a indução à contratação de seguros adicionais que deixam tudo muito mais caro.

De avião

As dicas de viagem para o Leste Europeu, então, é pesquisar com antecedência as companhias aéreas que atuam na região e escolher passagens aéreas baratas entre os países. Aí sim fica fácil, já que isso você encontra na MaxMilhas rapidinho.

Dicas práticas para aproveitar o Leste Europeu

Povo frio e distante? Você que pensa. Na verdade, o pessoal daquelas bandas é muito caloroso, acolhedor e até mesmo divertido. Simplesmente adoram receber turistas, especialmente brasileiros – porque somos extremamente simpáticos, além do futebol, é claro – mas não espere encontrar muita gente falando inglês.

As dicas de viagem pelo Leste Europeu então têm, necessariamente, que incluir o aprendizado de pelo menos frases básicas em cirílico e russo, os idiomas mais comuns que você vai encontrar por lá. Apenda pelo menos “Não sei falar essa língua”, “água”, “banheiro”, “saída”, “obrigado” e “por favor”.

Melhor época para aproveitar as dicas de viagem pelo leste Europeu

Brasileiro que não quer congelar de frio deve aproveitar para colocar em prática as dicas de viagem pelo Leste Europeu entre maio e junho ou entre setembro e início de outubro.

Nessa época os dias estão mais longos e a temperatura é bem agradável, sem ser também o verão rigoroso dos meses de pico – em julho e agosto o calor é de lascar e as cidades ficam lotadas de turistas, o que faz os preços subirem muito.

Já entre novembro e abril é para quem não tem medo do frio. Os dias ficam bem mais curtos e as tempestades de neve são comuns. Ideal pra quem gosta de turismo de casaco.

Veja como entrar nos países

Agora preste atenção nessas dicas de viagem para o Leste Europeu valiosas: vários países que não fazem parte do acordo de Schengen (nem da União Europeia) já têm acordos com o Brasil para que a gente possa entrar sem visto.

Rússia, Turquia, Sérvia, Ucrânia e Montenegro são alguns deles, mas não custa nada conferir no Portal Consular do Ministério das Relações Exteriores pra não dar coma  porta na cara.

Nesses países que não fazem parte da União Europeia eles dão um papel que comprova que você foi registrado na polícia ou departamento de imigração. Só que esse papel pode ser exigido por policiais a qualquer momento em que você estiver no país ou ainda pela imigração, quando for sair do território – então cuide dele.

Agora sim, com essas dicas de viagem pelo Leste Europeu você está pronto pra alçar voos maiores. Aproveite as passagens com desconto na MaxMilhas e parta pra sua próxima aventura!

Comentários

Deixe um Comentário