O que fazer em Salvador gastando pouco?

Muita gente deixa de viajar para o nordeste por acreditar que é caro demais. Contudo, a região oferece dias ensolarados praticamente o ano inteiro e conta com destinos recheados de atrações que cabem no bolso!

Um bom exemplo disso é Salvador. A capital baiana reúne atrativos históricos, culturais e naturais que fazem dela um dos destinos mais incríveis do nosso país. E o melhor: boa parte deles é barato ou gratuito.

Descubra o que você pode visitar em Salvador sem gastar tanto dinheiro assim:

Pelourinho

Uma viagem a Salvador não estaria completa sem uma visita ao coração do Centro Histórico. O Pelourinho é famoso por suas ladeiras, casas coloridas e atrações que custam muito pouco.

Entre elas, podemos destacar igrejas, museus, lojas, restaurantes e, com alguma sorte, apresentações artísticas. Às terças e aos sábados você pode assistir aos ensaios da Banda Olodum gratuitamente.

Elevador Lacerda

O Elevador Lacerda liga o Centro Histórico à Cidade Baixa. Construído no século XIX, ele é um ponto de passagem importante para os soteropolitanos e um ponto turístico imperdível para os visitantes!

Lá do alto, é possível ter uma vista espetacular da Baía de Todos os Santos e do Mercado Modelo. Pagando R$ 0,15, você desce e confere as duas atrações de pertinho. Nada mal, né?

Mercado Modelo

Inaugurado em 1912, o Mercado Modelo costumava servir como um centro de abastecimento para a Cidade Baixa. Os moradores podiam comprar frutas, verduras, animais, cachaças e até artigos ligados ao candomblé.

Atualmente, o espaço é dividido em estandes onde artesãos exibem seus trabalhos. Sem dúvidas, é um lugar bacana para comprar lembrancinhas para parentes e amigos sem comprometer o orçamento da viagem.

Igreja de Nosso Senhor do Bonfim

Provavelmente, esse templo é o mais famoso de Salvador e um dos mais importantes do Brasil! A Igreja de Nosso Senhor do Bonfim foi construída no século XVIII e é conhecida pelas fitinhas coloridas amarradas em seu gradil.

De acordo com a crença popular, você deve enrolar uma fita no pulso, dar três nós e fazer três pedidos. Se ela romper sozinha por conta do desgaste natural, seus desejos serão atendidos pelo Senhor do Bonfim.

Farol da Barra

Também conhecido como Farol de Santo Antônio, esse importante cartão postal de Salvador fica no bairro de mesmo nome e oferece uma vista privilegiada da Baía de Todos os Santos.

O farol faz parte do complexo do Forte de Santo Antônio da Barra, que também conta com museu, café e loja. Mas é preciso pagar para entrar; se o seu orçamento estiver apertado, você pode curtir a orla e contemplar o pôr do sol.

Orla de Rio Vermelho

Há décadas, a orla de Rio Vermelho é o grande reduto boêmio de Salvador! Apesar de ser considerado um ponto nobre da cidade, o bairro reúne atrações noturnas para todos os gostos e bolsos.

Por lá, você encontrará uma boa oferta de bares, restaurantes e baladas. Também poderá provar alguns dos acarajés mais famosos da cidade: os de Regina, Cida e Dinha.

Parque da Cidade

O Parque da Cidade Joventino Silva fica no Bairro de Pituba e soma 720 mil m² de área verde. Trata-se de um bom atrativo para quem visita Salvador com crianças ou idosos.

Além do contato com a fauna e a flora locais, você e sua família podem aproveitar as quadras poliesportivas, usar os equipamentos de ginástica, andar de bicicleta, curtir as apresentações culturais ou fazer um gostoso piquenique.

Viu como é possível curtir tudo o que Salvador tem a oferecer sem gastar tanto? E o melhor é que você pode deixar essa viagem ainda mais barata com a MaxMilhas, que conecta viajantes que desejam comprar ou vender milhas aéreas.

Viaje para Salvador agora mesmo! Usando os descontos especiais da MaxMilhas:)

Comentários

Deixe um Comentário